Redes Sociais

  • Facebook
  • YouTube
  • Instagram

Tudo sobre Mulheres

Cumbaru Filmes

@festivaltsm

Menu

Realização

Cumbaru Produções Artísticas

Rua 40, nº 14, Sala 01, Bairro Boa Esperança, Cuiabá/MT

© 2019 por Tudo Sobre Mulheres.

(Desenvolvido por CULT! - Produção de Conteúdo Inteligente, Projeto de Extensão ComunicARTE e Graduandos Voluntários da Faculdade de Comunicação e Artes da Universidade Federal de Mato Grosso/UFMT).

Buscar
  • tsmproducao

Produtora do Festival Tudo Sobre Mulheres é homenageada na Assembleia Legislativa

Danielle Bertolini é a grande idealizadora do festival de cinema que movimenta o estado


Em um sessão solene em homenagem aos quatro anos da rádio da Assembleia (89,5 FM). Acontecerá hoje (22) às 16h uma moção de aplausos as pessoas ligadas a cultura no estado e a produtora Danielle Bertolini estará presente.

Cineasta de carreira, a sul-mato-grossense Danielle é a mulher responsável por colocar Mato Grosso no circuito nacional de cinema. Formada em Comunicação Social - Jornalismo- pela Universidade Católica de São Paulo (PUC), e nascida em Aquidauana (MS), a mulher de olhos verdes, como os rios de sua cidade natal, é a idealizadora do Festival Tudo Sobre Mulheres (TSM). O festival se consolidou como um instrumento de valorização, empoderamento e visibilidade das mulheres nas produções audiovisuais no país.

O TSM exibe e premia filmes cujos enredos se baseiam nas mais diferentes temáticas relacionadas ao cotidiano das mulheres. Em sua 7ª edição, o festival terá a realização integral em Cuiabá, capital de Mato Grosso.

Com uma vasta experiência em diversos segmentos do audiovisual, Danielle atua há 20 anos como Diretora, Roteirista e Produtora Executiva. Também é empreendedora e CEO da Cumbaru Produções Artísticas; produtora audiovisual sediada em Cuiabá-MT. Entre seus vários trabalhos podemos citar alguns como: “Filhos da Lua na Terra do Sol” que já circulou por mais de 20 festivais e mostras nacionais e internacionais, além de ter sido o vencedor do prêmio de Melhor Filme na Mostra Sesc de Cinema (2017) e licenciado para o canal CinebrasilTV e VOD. “Águas Encantadas do Pantanal” (2000); Festa de Família (2000); “Sobre a Violência” (2012); “Encontro de Parentes” (2013); “De volta para casa” (2015). Atualmente, se prepara para dirigir o telefilme “Mato Conectado” (Play TV) e roteiriza a série “Os Segredos do Coração da América do Sul” (Travel Foz Brazil).

Como qualquer fã de cinema Danielle Bertolini também tem a sua lista de filmes favoritos “Um filme que me marcou muito que é o “Céu de Suely” do Karim Aïnouz, Cidade de Deus também (clássico) e agora meu filme preferido, preferido é o “Poderoso Chefão”; eu gosto muito. Já vi mais de 40 vezes!”

A cineasta conta como surgiu a ideia de de produzir um festival de cinema com a temática feminina.“O Festival Tudo Sobre Mulheres (TSM), surgiu em 2003 em uma conversa com a minha mãe que trabalha com a questão da violência doméstica, direitos da mulher, equidade de gênero. Então, foi em uma parceria minha com a minha mãe que surgiu a ideia de fazer um festival de cinema” afirma.

Para a Danielle Bertolini a realização de um evento como este no estado movimenta não só a cultura de um povo, mas a economia. “O orçamento não é centralizado como em algumas indústrias, ele é bastante pulverizado, a gente contrata desde costureiras à guardas, motoristas, atores, atrizes, arquitetos, pintores, músicos, bailarinos, contadores, advogados. Enfim, a gente movimenta uma cadeia muito grande quando faz um filme ou um festival de cinema. Então, para o contexto mato grossense além do econômico, a gente têm o simbólico que é o mais importante. Conhecer as nossas histórias, as nossas raízes, observar os nossos conflitos e assim conseguir evoluir enquanto sociedade.”

O festival não pôde ser realizado em sua cidade origem (Chapada dos Guimarães) por não ter apoio do Ministério da Cultura da cidade; sobre isso Danielle comenta: “O Tudo Sobre Mulheres acabou crescendo com a dificuldade, eu não quero deixar de fazer em Chapada, mas acredito que a gente vá ampliá-lo agora, fazendo uma versão mais completa e robusta em Cuiabá e depois levando mostras menores e de acordo com cada cidade. finaliza.”

9 visualizações
This site was designed with the
.com
website builder. Create your website today.
Start Now